Arquivos NEGÓCIOS - Sextante
NEGÓCIOS

Somos todos vendedores

Somos todos vendedores

|

Compartilhe esse texto: Email
Somos todos vendedores

Com um olhar inovador, Daniel Pink defende que a arte de vender é fundamental para nossa sobrevivência e felicidade

Alçado à categoria de guru do mercado de trabalho contemporâneo e autor de diversos livros de negócios e comportamento, Daniel Pink avalia em seu prefácio escrito especialmente para a nova edição brasileira de Vender é humano que “somos todos vendedores. Somos todos cientistas. Este é o futuro dos negócios.” Ao analisar a sua própria rotina de trabalho e as atividades que desenvolve diariamente, Pink se deu conta da parcela significativa de seu tempo dedicada a convencer outras pessoas a fazer ou abrir mão de algo e concluiu: “sou um vendedor”.

Diante da constatação, Pink buscou ampliar o conceito do que caracteriza a atividade, desconstruindo os preconceitos que lhe são relacionados e introduzindo a ideia que denomina como “venda não comercial”. O autor argumenta que estamos convencendo e influenciando outros indivíduos durante grande parte do tempo. “Dedicamos mais de 40% do tempo à tarefa de persuadir, e consideramos isso fundamental para o nosso sucesso profissional.”, analisa. Outro ponto importante destacado na obra é o fato de o próprio ato de vender vir se modificando com enorme rapidez nas últimas décadas. Antigos pressupostos sobre o tema simplesmente desmoronaram.

Em sua análise, o autor constata que tudo o que sabemos sobre “vender” sempre teve como base a assimetria de informações. Os vendedores tinham acesso a muito mais informações do que os compradores. Mas, com a evolução tecnológica e o aumento do fluxo de dados e conteúdos entre pessoas, houve uma equiparação entre vendedores e consumidores. “Em um mundo de igualdade de informações, é mais difícil enveredar por práticas nada éticas como a trapaça e a mentira.”, avalia Pink.

Segundo o autor, a capacidade de persuadir os outros a trocar algo que eles possuem por algo que nós temos é essencial para a sobrevivência e a felicidade da civilização humana. A cultura da venda, argumenta, ajudou a evolução da própria espécie e permitiu uma sucessiva melhora padrão de vida da sociedade. “A capacidade de vender não é uma adaptação antinatural ao impiedoso mundo do comércio. É parte de quem somos.”, sentencia Daniel Pink.

O SURGIMENTO DA VENDA NÃO COMERCIAL

Um dos pontos fundamentais de Vender é humano trata da ampliação do conceito de venda. Em qualquer que seja a profissão exercida, há práticas que estão relacionadas de modo intrínseco com a natureza da atividade comercial, seja quando tentamos convencer o chefe a investir em determinada ação ou serviço ou ainda quando argumentamos com o departamento de recursos humanos a aumentar o período de férias. É, portanto, inegável que a persuasão é fundamental e parte indissociável da maior parte das atividades profissionais contemporâneas.

Pink recorre a uma recente pesquisa realizada nos Estados Unidos e denominada O que você faz no trabalho?, que reuniu dados de 9.057 entrevistados por todo o mundo, para mostrar que as pessoas gastam cerca de 40% do seu tempo no trabalho engajadas em ações de venda não comercial. “Elas convencem, influenciam e inspiram os outros de forma que não envolvem a realização de uma compra”, explica o autor.

Mais do que isso, esses mesmos profissionais consideram esse aspecto do trabalho indispensável para alcançar um bom desempenho na carreira. E, diante dessas evidências, Daniel Pink profetiza: “Seja com a venda tradicional ou com sua variação, a venda não comercial, agora somos todos vendedores.”

Este post foi escrito por:

Felipe Maciel

Jornalista com 20 anos de experiência no mercado e pós-graduação em Mercado Editorial e em Tradução, trabalhou em jornais, revistas e agências de comunicação. Foi coordenador de comunicação do Sesc Rio. Desde 2010, trabalha no mercado editorial com passagens por algumas das principais editoras do país.

Este post foi escrito por:

Felipe Maciel

Jornalista com 20 anos de experiência no mercado e pós-graduação em Mercado Editorial e em Tradução, trabalhou em jornais, revistas e agências de comunicação. Foi coordenador de comunicação do Sesc Rio. Desde 2010, trabalha no mercado editorial com passagens por algumas das principais editoras do país.

Tags: NEGÓCIOS
Livro

Daniel H. Pink

Autor de diversos livros sobre negócios e comportamento. Com títulos premiados e que geraram debates em todo o mundo, tem seu lugar garantido entre os principais pensadores da atualidade – um “guru do mercado de trabalho moderno”, segundo o jornal O Globo. Tem artigos publicados em veículos como Harvard Business ReviewFast Company e The New York Times, além de ter atuado, entre 1995 e 1997, como redator de discursos para o então vice-presidente americano Al Gore. Sua palestra no TED Talks está entre as mais vistas de todos os tempos. Pink mora com a esposa e os três filhos em Washington, DC.

VER PERFIL COMPLETO
Livro

Edição revista e atualizada. Publicado anteriormente como Saber vender é da natureza humana. A SURPREENDENTE VERDADE SOBRE A ARTE DA PERSUASÃO.   “Pink escreveu uma versão moderna de Como fazer amigos e influenciar pessoas cheia de histórias, ciência social e surpresas.” – Training and Development Magazine “Um livro excelente: radical, surpreendente e indiscutivelmente verdadeiro.” – […]

Daniel H. Pink

Autor de diversos livros sobre negócios e comportamento. Com títulos premiados e que geraram debates em todo o mundo, tem seu lugar garantido entre os principais pensadores da atualidade – um “guru do mercado de trabalho moderno”, segundo o jornal O Globo. Tem artigos publicados em veículos como Harvard Business ReviewFast Company e The New York Times, além de ter atuado, entre 1995 e 1997, como redator de discursos para o então vice-presidente americano Al Gore. Sua palestra no TED Talks está entre as mais vistas de todos os tempos. Pink mora com a esposa e os três filhos em Washington, DC.

VER PERFIL COMPLETO

Posts Relacionados

Concorra ao livro “Motivação 3.0” de Daniel H. Pink (encerrado)
SORTEIO

Concorra ao livro “Motivação 3.0” de Daniel H. Pink (encerrado)

Publicado em 37 línguas e um dos livros mais vendidos e influentes dos últimos tempos, Motivação 3.0 mudou a compreensão das pessoas a respeito do que realmente nos move. A maioria das pessoas acredita que a melhor maneira de motivar alguém é oferecer algum tipo de recompensa, como prêmios, promoções ou dinheiro. Esta visão está […]

LER MAIS